Caminhos e chegadas / Fotografia

Uma visita ao Solar do Jambeiro

Em meio aos prédios modernos do Bairro de Ingá, em Niterói, encontra-se um exemplar deslumbrante da arquitetura residêncial urbana do séc XIX, o Solar do Jambeiro. Logo ao entrar nos jardins do Solar, somos levados a uma viagem no tempo que tem seu ponto de chegada em 1872, data que foi construído, por um rico português.

A chácara foi tombada pelo o instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN em 1974 e hoje é uma unidade da Fundação de Arte de Niterói. A agenda so Solar   inclui exposições, recitais, apresentações teatrais, conferências, lançamento de livros e CD´s, palestras e seminários.

Os detalhes a arquitetura do Solar impressionam pela sua beleza e valor histórico. A fachada revestida de  tapetes de azulejos portugueses, os beirais de telhões de louça, os versos e citações talhados nos vidros das janelas e o acervo de pinturas, desenhos, gravuras e artes decorativas da Coleção Hilda e Quirino Campofiorito são alguns exemplos do que pode ser apreciado na visita ao Solar.

 Semana passada, saí com meus colegas do Curso Fundamental de Fotografia da SFF para registrar imagens do Solar do Jambeiro. Passei o resto da semana alterando algumas das imagens, brincando e testando efeitos, expressando através deles, as sensações de estar em um ambiente que já presenciou gerações.

Solar do Jambeiro:

ua Presidente Domiciano, nº 195, Ingá, Niterói-RJ

 

r

Anúncios

One thought on “Uma visita ao Solar do Jambeiro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s